Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2013

Os cuidados de Gaspar

 Politican, David Kukhalashvili

 

Vítor Gaspar não "tem de ter cuidado com a execução", como diz naquela toada de quem pensa que somos todos idiotas - Gaspar ficou sem a execução planeada logo no segundo mês do ano. A revisão da contracção do PIB de 1% para cerca de 2% abre um buraco de 0,4% do PIB nas contas do OE (segundo a análise de riscos que está no relatório do OE/2013). E ainda há o desvio na receita fiscal no último trimestre de 2012: um desvio de 670 milhões que terá contagiado em alguma medida a previsão para 2013. Na pior hipótese Gaspar tem um desvio total de cerca de 1,3 mil milhões (cerca de 0,8% do PIB) EM FEVEREIRO. O "plano B" de 800 milhões (0,5% do PIB) vai mesmo ter de ser usado - e tendo em conta que estamos em Fevereiro (e que ainda falta a decisão do TC, por exemplo), a procissão ainda pode estar no adro...

publicado por Bruno Faria Lopes às 02:17
link do post | comentar | favorito

autores

pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

subscrever feeds